Festival de Inverno

53º Festival de Inverno UFMG, sob o tema Escutas e Vozes dos Brasis.

De 23 a 31 de julho, acontece o 53º Festival de Inverno UFMG, sob o tema Escutas e Vozes dos Brasis. Nesta edição, reconhecemos os anos de 1822, 1922 e 2022 como datas de convergências e atravessamentos. Os 100 anos do Modernismo, que se aproxima, nos faz reconhecer que os projetos de Brasil que configuraram os movimentos modernistas remetem tanto ao país que se pensa em seus 200 de (in)dependência colonial, quanto àquele que emerge da profunda conjunção de crises que se encaminham para 2022. 

O Modernismo nos propôs visões de um país, acionou imagens, palavras, sons e vozes. Desdobrando-se delas, em afirmações e negações, outras imagens, palavras, sons e vozes foram compondo os Brasis em que vivemos nesses 100 anos. Essas vozes são das poetas e das poéticas contemporâneas, dos artistas indígenas, dos pensamentos e das artes negras, dos corpos trans. O que elas dizem? Esse é o mote desta edição do Festival, que traz mais de 40 atrações que nos farão exercitar a escuta das vozes desses Brasis.

 

A programação será transmitida pelo canal Cultura UFMG no YouTube, a partir de três eixos:

▪️ Circuito de palestras com temas como modernismo, teatro negro, poesia e pluralidade epistêmica.

▪️ Rodas de conversa com convidados especiais, que trocam experiências e reflexões sobre temas como memória, performances, ritualidades, sonoridades e outras temáticas.

▪️ Entre as apresentações artísticas confirmadas, estão: encontro poético entre Arnaldo Antunes e Lucia Castello Branco, show de Titane e Makely Ka, conversas musicais com Toninho Horta, espetáculo teatral “Luisa Mahin... Eu ainda continuo aqui” e muito mais.

Categorias: Notícias

URL relacionada: https://www.ufmg.br/festivaldeinverno/