Weby shortcut

Incubadora Social da UFG

Atualizado em 17/03/20 11:10.

Criada em 2007, a Incubadora Social da UFG surgiu de uma iniciativa do Pró-Reitor de Extensão e Cultura da UFG - Prof Anselmo Neto, do técnico-administrativo Fernando Bartholo com incentivo e participação do Reitor Edward Madureira Brasil.

Esse projeto apoiado pelos recursos do Programa Nacional de Incubadoras de Cooperativas (PRONIC) foi idealizado para abrigar ações de capacitação e assessoramento de empreendimentos de catadores de material reciclável e coleta seletiva. No início tinha como proposta atender três cooperativas: i) Associação dos Catadores Ordem e Progresso – ACOP, ii) Associação de Materiais Recicláveis Beija Flor, ambas constituídas em 2005, e iii) um grupo do entorno da UFG que forma a atual cooperativa Ambiental.

Esse projeto trata de uma ação de extensão que se revelou referência local e nacional e tem proporcionado a transformação social pela integração da universidade com as cooperativas de materiais recicláveis. O êxito desse modelo com as parcerias de financiamento via Secretaria Nacional de Economia Solidária – SENAES e o Ministério Público do Estado de Goiás – MPGO tem promovido o aumento das demandas à Incubadora Social junto aos empreendimentos de catadores, inclusive de outros municípios.

Nesse cenário, em 2008, a Incubadora Social da UFG incorporou em seu processo de incubação outros grupos: Cooper Mas, ex-Cooper Sol e Cooper Rama. Em 2010, mais um grupo: CooperFami e, finalmente, em 2011 mais três grupos: Cooper Shekinah, Carrossel e Seleta.

Em 2012, a inauguração da Casa de Projetos da UFG representou um marco para a incubadora, pois definiu um espaço físico e trouxe possibilidade de crescimento. Presente na cerimônia, o reitor da UFG, Edward Madureira Brasil, cumprimentou os representantes das cooperativas e os responsáveis pela Incubadora Social da universidade “Nossa expectativa é promover a emancipação dessas pessoas e de suas atividades, permitindo geração de renda e a conquista da dignidade para suas famílias”.

Em 2013, como continuidade das ações nasceu a Rede UNIFORTE com a união de cinco empreendimentos: Cooprec, Cooperama, Coocamare, Coopermas e Acop, dos quais quatro eram incubados, e teve como pilar, a troca de experiências entre os empreendimentos, comercialização conjunta dos materiais recicláveis, com vistas à construção participativa de um modelo socioambiental e econômico que dê sustentabilidade a seus integrantes.   

A Incubadora Social da UFG ao completar dez anos de funcionamento, o coordenador - Fernando Bartholo apresentou a abrangência desse Projeto Social, com assessoria a 20 cooperativas de catadores em 12 municípios goianos com características transdisciplinares. Nessa data comemorativa, a fala da presidente da Cooperativa de Catadores de Material Reciclável - Dulce Helena do Vale em suas palavras mostrou a transformação social que a Incubadora Social tem oportunizado aos colaboradores “Um dia o professor Edward falou que o sonho dele era ver nossos filhos estudando aqui. Hoje meu sobrinho, Artur Ferreira, é formado pela UFG”.

Telefone: 62 3521-1638/1639

Site: www.incubadorasocial.ufg.br

 

Imagem com mãos sobrepostas